terça-feira, 22 de maio de 2018

Meus investimentos antes do blog : Poupança - Parte 1

Irei contar aqui nesta série de posts como eram meus investimentos antes do blog, as decisões que tomei, os erros e os "acertos", vou saber se acertei mesmo quando chegar o dia da independência financeira 👀.

A famigerada poupança


Iniciei na poupança, acho que todo mundo inicia nela, pelo menos a maioria. Muita gente não gosta da poupança, mas sinceramente acredito que ela tem espaço sim para sua reserva de emergência. Assim como tem pessoas que só investem em poupança e conseguem a independência financeira, é mais difícil? sim é, mas é possível, depende do aporte $$$$.  Acredito que tem público para cada tipo de investimento, da poupança ao bitcoin.

No gráfico abaixo temos a rentabilidade mensal real em 2016, quando eu tinha somente a poupança como investimento.

rentabilidade mensal da poupança
Nesse ano iniciei com um saldo de R$ 3.987,18, e entre saques e depósitos, em média depositei R$ 779,30. No final de 2016 estava com R$ 9.805,48 na poupança, sendo que de rendimentos ganhei R$ 464,19 durante o ano. Lembrando que a taxa SELIC em 2016 estava a 14,15 %, baixando para 13,90% em novembro e para 13,65% em dezembro, então a poupança rendia mais do que hoje(2018). Podemos notar que a rentabilidade é sempre positiva, embora tenha a questão de descontar a inflação. 

Não defendo a poupança como investimento único, mas como um produto bancário que tem sua serventia. Risco? tem como podemos ver aqui. Mas também tem rentabilidade, se a pessoa não quer se preocupar em ficar ligado no mercado financeiro ou aprender outras modalidades de investimento porque não? Hipoteticamente, se eu ganhasse na mega sena R$ 104.000.000,00, pelo menos uma parte, por causa do FGC, eu ia colocar lá, e ser feliz em Bora-Bora!

bora-bora

Nenhum comentário:

Postar um comentário